Zonas de Praticagem (ZP), de acor­do com a defi­ni­ção legal, é a área geo­grá­fi­ca deli­mi­ta­da por for­ça de pecu­li­a­ri­da­des locais que difi­cul­tem a livre e segu­ra movi­men­ta­ção de embar­ca­ções, exi­gin­do a cons­ti­tui­ção e fun­ci­o­na­men­to inin­ter­rup­to de Serviço de Praticagem para essa área.

A Diretoria de Portos e Costas (DPC) é quem esta­be­le­ce as Zonas de Praticagem.

O ser­vi­ço de Praticagem é con­si­de­ra­do ati­vi­da­de essen­ci­al e está per­ma­nen­te­men­te dis­po­ní­vel nas 21 zonas de pra­ti­ca­gem estabelecidas.

Esta Zona de Praticagem está com­pre­en­di­da a par­tir do para­le­lo 00º 03´S (Fazendinha-AP) para o inte­ri­or do rio Amazonas, aí incluí­dos os aces­sos pelo Canal Sul até a cida­de de Itacoatiara-AM, ou o aces­so pela região dos estrei­tos a sudo­es­te da Ilha de Marajó, a par­tir da Ilha de Mosqueiro-PA até a cida­de de Itacoatiara-AM. Os ser­vi­ços nes­te tre­cho da ZP são obrigatórios.

No tre­cho com­pre­en­di­do entre o aces­so pela bar­ra nor­te, a par­tir da bóia núme­ro 02 do Canal Grande do Curuá até o para­le­lo 00º 03´S, os ser­vi­ços de pra­ti­ca­gem estão dis­po­ní­veis ao nave­gan­te em cará­ter facultativo.

As hidro­vi­as prin­ci­pais de pra­ti­ca­gem des­sa ZP são:
1. Entre o por­to de Belém-PA e o por­to de Macapá-AP, por meio da região das Ilhas;
2. Entre o por­to de Belém-PA e a cida­de de Itacoatiara-AM, atra­vés da região das Ilhas; e
3. Entre o por­to de Macapá-AP e a cida­de de Itacoatiara-AM.

O Canal Norte do rio Amazonas (do mar para o inte­ri­or), o Canal Sul, e os aces­sos às regiões das Ilhas e Estreitos, bem como os rios Jarí, Tocantis, Xingu, Tapajós e Trombetas são hidro­vi­as exten­si­vas des­ta ZP.

Os navi­os que deman­dam o por­to de Itacoatiara-AM ou ter­mi­nais exis­ten­tes naque­la cida­de, não neces­si­tam tro­car de prá­ti­co, pois ambas as pra­ti­ca­gens estão habi­li­ta­das para as mano­bras neces­sá­ri­as. Os navi­os que zar­pam do por­to de Itacoatiara-AM ou ter­mi­nais, e deman­dam em dire­ção à foz do rio Amazonas, neces­si­tam ape­nas soli­ci­tar prá­ti­cos da ZP Fazendinha-Itacoatiara.

EMPRESAS

AMAZON RIVER EMPRESA DE PRATICAGEM S/S LTDA

http://amazonriver.com.br/

administrativo@adjservicos.com.br

AMAZÔNIA SERVIÇOS DE PRATICAGEM LTDA

alessandra@praticagemdaamazonia.com.br 

ARCHPILOT — EMPRESA DE PRATICAGEM DOS RIOS, PORTOS E CANAIS DA BACIA AMAZÔNICA ORIENTAL S/S LTDA

administrativo@adjservicos.com.br 

BACIA AMAZÔNICA PRÁTICOS S/S LTDA

http://grupobap.com.br/

administrativo2@grupobap.com.br 

MACAPÁ PILOT – EMPRESA DE PRATICAGEM S/S LTDA

www.macapapilot.com.br/

cristian@macapapilot.com.br  

NORTEPILOT — Empresa de Praticagem do Norte S/C LTDA

gerencia@nortepilot.com.br 

RIO AMAZONAS SERVIÇOS DE PRATICAGEM LTDA — ARP

tammer@praticagemrioamazonas.com.br

Essa Zona de Praticagem está com­pre­en­di­da a par­tir do tra­vés da cida­de de Itacoatiara à mon­tan­te para o inte­ri­or, cons­ti­tuí­da de todas as suas hidro­vi­as, por­tos e ter­mi­nais até a cida­de de Tabatinga.
Somente os navi­os que este­jam pas­san­do ao lar­go de Itacoatiara que não forem atra­car naque­le por­to, deve­rão efe­tu­ar a tro­ca de prático.
A hidro­via bási­ca da Zona de Praticagem é do tra­vés da cida­de de Itacoatiara até o por­to de Tabatinga.
Os rios Madeira, Negro, Branco, Purus, Acre, Japurá, Juruá e Iça são con­si­de­ra­das hidro­vi­as exten­si­vas des­ta zona de praticagem.
A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obrigatória.

EMPRESAS

PRATICAGEM DOS RIOS OCIDENTAS DA AMAZÔNIA LTDA

proamanaus.com.br/

wal@proamanaus.com.br 

MANAUS PILOTS

www.manauspilots.com.br/

cesar.machado@manauspilots.com.br

Compreende o aces­so pelo canal do Quiriri (ou Marajó), ou pelo Canal do Espadarte, no rio Pará, a par­tir dos pon­tos de espe­ra de Prático, situ­a­dos a juzan­te da extre­mi­da­de exter­na do Banco Xingu e Cabeço do Norte e do situ­a­do a juzan­te do Baixo Espadarte até o por­to de Belém, fun­de­a­dou­ro do Capim e o Porto de Vila do Conde.
O canal do Quiriri (ou Marajó), con­si­de­ra­do facul­ta­ti­vo, só se apli­ca à navi­os naci­o­nais e estran­gei­ros que não trans­por­tem car­ga perigosa.
A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obri­ga­tó­ria, exce­to para o tre­cho con­si­de­ra­do facultativo.

EMPRESAS

BAIA DE MARAJÓ – SERVIÇOS DE PRATICAGEM S/S LTDA

http://marajopilots.com.br/

secretaria@belempilot.com.br 

ESPADARTE SERVIÇOS DE PRATICAGEM S/S LTDA

http://espadartepilots.com.br/

secretaria@belempilot.com.br 

PARÁ RIVER PILOT

http://parariverpilot.com.br/ 

marcelo.salgado@parariverpilot.com

A Zona de Praticagem do Maranhão, que abran­ge o Porto do Itaqui e os Terminais da Alumar e da Ponta da Madeira, está divi­di­da em dois trechos.
O pri­mei­ro tre­cho está com­pre­en­di­do entre o aces­so ao canal var­ri­do, nas pro­xi­mi­da­des da boia 1 até a boia 19. Os ser­vi­ços nes­se tre­cho da Zona de Praticagem estão dis­po­ní­veis ao nave­gan­te em cará­ter facul­ta­ti­vo, deven­do ser soli­ci­ta­dos com ante­ce­dên­cia. O segun­do tre­cho des­sa Zona de Praticagem está com­pre­en­di­do entre a boia 19 e o Terminais Portuários e Porto do Itaqui . Os ser­vi­ços nes­se tre­cho da Zona de Praticagem são obri­ga­tó­ri­os. Navios com 11 metros ou mais de cala­do e mais de 100.000 dwt  rece­bem o prá­ti­co a cer­ca de 4 milhas da boia 19. O canal de aces­so aos três Terminais pos­sui 55 milhas de exten­são e pro­fun­di­da­de míni­ma de 23 metros na bai­xa­mar. Devido à gran­de vari­a­ção da maré, que pode atin­gir 7 metros de ampli­tu­de, a cor­ren­te pode atin­gir 6 nós de velo­ci­da­de na Zona de Praticagem obrigatória.

Basicamente, há um Porto e dois Terminais aten­di­dos pela Praticagem.

  1. PORTO DO ITAQUI

Situado a 10 km da cida­de de São Luis, dis­põe de 8 ber­ços. A ampli­tu­de da maré che­ga a atin­gir 7 metros nas marés de sizigia.

Cais 100 – pro­fun­di­da­de de 15 m – cala­do máxi­mo de 14,5 m – embar­que e desem­bar­que de car­ga geral, con­tai­ne­res, neo­gra­nel  e gra­nel sólido;

Cais 101 – pro­fun­di­da­de de 12 m – cala­do máxi­mo de 11,5 m – embar­que e desem­bar­que de car­ga geral, con­tai­ne­res, neo­gra­nel  e gra­nel sólido;

Cais 102 — pro­fun­di­da­de de 12 m – cala­do máxi­mo de 11,5 m – embar­que e desem­bar­que de car­ga geral, con­tai­ne­res, neo­gra­nel, GLP  e gra­nel sólido;

Cais 103 — pro­fun­di­da­de de 15 m – cala­do máxi­mo de 14,5 m – embar­que e desem­bar­que de car­ga geral, con­tai­ne­res, neo­gra­nel  e gra­nel sólido;

Cais 104 – pro­fun­di­da­de de 13 m – cala­do máxi­mo de 12,5 m – embar­que e desem­bar­que de GLP e gra­nel líquido;

Cais 105 — pro­fun­di­da­de de 18 m – cala­do máxi­mo de 17,5 m – embar­que e desem­bar­que de car­ga geral e gra­nel sólido;

Cais 106 — pro­fun­di­da­de de 19 m – cala­do máxi­mo de 18,5 m – embar­que e desem­bar­que de gra­nel líqui­do (deri­va­do de petró­leo); e

Cais 108 — pro­fun­di­da­de de 15 m – cala­do máxi­mo de 14,5 m – embar­que e desem­bar­que de gra­nel líqui­do (deri­va­do de petróleo).

  1. TERMINAL MARÍTIMO DA PONTA DA MADEIRA
    Operado pela Vale S/A, pos­sui cala­do de 25 metros na bai­xa-mar e pode rece­ber navi­os de até 420.000 dwt. Faz o car­re­ga­men­to de miné­rio de fer­ro e outros miné­ri­os, basi­ca­men­te para exportação
  2. TERMINAL da ALUMAR
    Situado a 10 km ao sul do Porto do Itaqui, o aces­so é atra­vés de canal dra­ga­do, que per­mi­te a ope­ra­ção de navi­os com até 10,58 m de cala­do na pre­a­mar e até 85.000 de dwt. Opera as seguin­tes car­gas: des­car­ga de bau­xi­ta, car­vão, coque, piche e soda cáus­ti­ca (insu­mos para a fabri­ca­ção do alu­mí­nio) e car­re­ga­men­to de alu­mi­na a gra­nel. As marés com níveis entre ‑0,30m e 7,10m, nas sizí­gi­as, reque­rem aten­ção especial.

EMPRESA

APEM – ASSOC. DOS PRÁTICOS DO ESTADO DO MARANHÃO

www.apem-ma.com.br/

apem@apem-ma.com.br 

Do pon­to de espe­ra de prá­ti­co até a atracação.

A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obrigatória.

EMPRESA

CEARÁ MARINE PILOTS — EMPRESA DE PRATICAGEM DO ESTADO DO CEARÁ LTDA

www.cearapilots.com.br/

cemapi@cearapilots.com.br

Do pon­to de espe­ra de prá­ti­co até a atracação.

A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obrigatória.

EMPRESA

AREIA BRANCA PILOTS – EMPRESA DE PRATICAGEM S/C LTDA

abpilots.zp06@hotmail.com.

Do pon­to de espe­ra de prá­ti­co até a atracação.

A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obrigatória.

EMPRESA

NATAL PILOTS – SERVIÇO DE PRATICAGEM S/S LTDA

www.natalpilots.com/

natalpilots@natalpilots.com

Do pon­to de espe­ra de prá­ti­co até a atracação.

A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obrigatória.

EMPRESAS

PRATICAGEM DE CABEDELO S/C LTDA. — CABEDELO PILOTS

cabedelo.pilots@gmail.com 

PRATICAGEM CABO BRANCO

christian.mari@hotmail.com

Para Recife a área limi­ta­da por uma cir­cun­fe­rên­cia de uma milha de raio, com cen­tro no Farolete Sul do que­bra-mar sobre o ban­co do Inglês a qual­quer pon­to do inte­ri­or do porto.

Para Suape a par­tir do ali­nha­men­to da pon­ta do que­bra-mar e a pon­ta do cabo de Santo Agostinho, até o local de atracação.
A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obrigatória.

EMPRESA

PERNAMBUCO PILOTS EMPRESA DE PRATICAGEM S/C LTDA

www.pernambucopilots.com.br

adm@pernambucopilots.com.br

Do pon­to de espe­ra de prá­ti­co até a atracação.

A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obrigatória.

EMPRESAS

MACEIÓ PILOTS — EMPRESA DE PRATICAGEM DO ESTADO DE ALAGOAS LTDA

http://www.maceiopilots.com.br/

maceiopilots@maceiopilots.com.br / adm@maceiopilots.com.br 

PRATICAGEM DE MACEIÓ LTDA.

http://www.praticagemmaceio.com.br/

admin@praticagemmaceio.com.br

Do pon­to de espe­ra de prá­ti­co até a atracação.

A pra­ti­ca­gem no por­to de Redes é obri­ga­tó­ria e facul­ta­ti­va no TPS.

EMPRESA

PRATICAGEM DE SERGIPE LTDA

praticagem.aju@gmail.com 

Do pon­to de espe­ra de prá­ti­co até os locais de atracação.

A pra­ti­ca­gem é facul­ta­ti­va para as embar­ca­ções naci­o­nais e estran­gei­ras, de qual­quer arque­a­ção bru­ta, que entrem na Baía de Todos os Santos em deman­da aos fun­de­a­dou­ros inter­nos I, II, III, IV, VI e VII ou que sus­pen­dam des­ses fun­de­a­dou­ros para sair em dire­ção à barra.

A pra­ti­ca­gem é obri­ga­tó­ria nos ter­mi­nais de Aratu, São Roque do Paraguaçu, Usiba, Dow Química, Temadre, TRBA, Miguel de Oliveira (Ford) e demais ter­mi­nais situ­a­dos no inte­ri­or da Baía de Todos os Santos e Ilhéus.

EMPRESAS

BAHIA PILOTS – SERVIÇOS DE PRATICAGEM DA BAÍA DE TODOS OS SANTOS S/S LTDA

https://bahiapilots.com.br/

diretoria@bahiapilots.com.br

SALVADOR PILOTS — SERVIÇOS DE PRATICAGEM DOS PORTOS DA BAÍA DE TODOS OS SANTOS S/C LTDA 

www.salvadorpilots.com.br/index.html

adm1@salvadorpilots.com.br

A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obrigatória.

a) Vitória, Tubarão e Praia Mole
Área com­pre­en­di­da entre os ali­nha­men­tos do meri­di­a­no 040o 14′ 00″W e para­le­lo 20o 20′ 00″S para o inte­ri­or até os locais de atracação.

b) Barra do Riacho
Do pon­to de espe­ra de prá­ti­co até o local de atracação.

c) Ubú
Do pon­to de espe­ra de prá­ti­co até o local de atracação.

EMPRESAS

CAPIXABA PRÁTICOS S/S LTDA

www.praticagem.org.br

lauro@capixabapraticos.com.br   

ESPÍRITO SANTO PRÁTICOS S/S LTDA

www.praticagem.org.br

rosangela@espiritosantopraticos.com.br 

VITÓRIA PRÁTICOS S/S LTDA

www.praticagem.org.br

itaborahy@vitoriapraticos.com.br

a) Rio de Janeiro e Niterói
Dos ali­nha­men­tos da pon­ta de Copacabana com a Ilha do Pai, Ilha do Pai – Ilha da Mãe e pon­ta de Itaipu para o inte­ri­or da Baía de Guanabara.
A pra­ti­ca­gem nos por­tos e ter­mi­nais des­se tre­cho é facultativa.

b) Sepetiba, Ilha Guaíba, Ilha Grande (TEBIG) e Angra dos Reis
Pela entra­da Leste, do ali­nha­men­to entre a Ilha das Palmas e a Ponta Grossa da Marambaia para o inte­ri­or das Baías de Sepetiba e da Ilha Grande.
Pela entra­da Oeste, do ali­nha­men­to entre a Ilha Deserta e o Lago do Jerônimo, para o inte­ri­or da Baía da Ilha Grande.
A pra­ti­ca­gem nos por­tos e ter­mi­nais des­se tre­cho é obrigatória.

c) Forno
Do ali­nha­men­to da Ilha dos Porcos com a par­te cen­tral da Ilha de Cabo Frio até o local de atracação.
A pra­ti­ca­gem no por­to des­se tre­cho é obrigatória.

EMPRESAS 

CORCOVADO PILOTS SOCIEDADE DE PRATICAGEM DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO LTDA

http://praticagemrio.com.br/

fat@corcovadopilots.com.br 

NEW PILOTS – SERVIÇOS DE PRATICAGEM NEW PILOTS LTDA

www.newpilots.com.br/

adm@newpilotsrj.com.br  /  secretaria@newpilotsrj.com.br 

PRATICAGEM CARIOCA 

http://praticagemrio.com.br/

financeiro@praticagemcarioca.com.br / secretaria@pilotboat.com.br  

PRATICAGEM FLUMINENSE – SOCIEDADE DE PRATICAGEM DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO LTDA

http://praticagemrio.com.br/

secretaria@pilotboat.com.br  

PRATICAGEM GUANABARA SOCIEDADE DE PRATICAGEM DO ESTADO DO RJ LTDA

http://praticagemrio.com.br/

secretaria@pilotboat.com.br 

PRÁTICOS DO RIO – SOCIEDADE DE PRATICAGEM DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO LTDA

http://praticagemrio.com.br/

secretaria@pilotboat.com.br 

PRATICAGEM STELLA MARIS SOCIEDADE DE PRATICAGEM DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO LTDA

fin@stellamarispilots.com.br

A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obrigatória.

a) Santos
Do para­le­lo 24o 00′ 33″S até o local de atra­ca­ção, exce­tu­an­do o fun­de­a­dou­ro no 4.

b) São Sebastião e Tebar
– Pela entra­da Norte
Da inter­se­ção do Canal de São Sebastião com o ali­nha­men­to dos pon­tos de coor­de­na­das Lat. = 23o 43′ 18″S, Long. = 045o 20′ 12″W e Lat. = 23o 43′ 00″S, Long. = 045o 21′ 18″W até os locais de atracação.
– Pela entra­da Sul
Da inter­se­ção do Canal de São Sebastião com o ali­nha­men­to dos pon­tos de coor­de­na­das Lat. = 23o 53′ 36″S, Long. = 045o 28′ 00″W e Lat. = 23o 52′ 42″S, Long. = 045o 29′ 00″W até os locais de atracação.

EMPRESA

PRÁTICOS — SERVIÇOS DE PRATICAGEM DO PORTO DE SANTOS E BAIXADA SANTISTA S/C LTDA 

http://www.sppilots.com.br

secretaria@santospilots.com.br

Do pon­to de espe­ra de prá­ti­co, deman­dan­do os por­tos pelo canais Sueste ou da Galheta até os locais de atracação.

A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obrigatória.

EMPRESAS

PARANAGUÁ PILOTS — SERVIÇOS DE PRATICAGEM S/C LTDA

www.paranaguapilots.com.br

praticagem@paranaguapilots.com.br 

TRANSTURMAR – SERVIÇOS DE PRATICAGEM S/S LTDA

http://transturmar.com.br/

praticagem@paranaguapilots.com.br

Do pon­to de espe­ra de prá­ti­co até o local de atracação.

A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obrigatória.

EMPRESA

PRATICAGEM SÃO FRANCISCO – EMPRESA DE PRATICAGEM DA BARRA, TERMINAIS E PORTOS DO RIO SÃO FRANCISCO DO SUL LTDA

www.praticagemsaofrancisco.com.br

vanessa@praticagemsaofrancisco.com.br

Do pon­to de espe­ra de prá­ti­co até o local de atracação.

A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obrigatória.

EMPRESA

PRÁTICOS DA BARRA DO RIO GRANDE LTDA

www.praticagemriogrande.com.br

sede@rgpilots.com.br  

Do pon­to de espe­ra de prá­ti­co até a atra­ca­ção nos por­tos de Pelotas e Porto Alegre e nos ter­mi­nais Santa Clara, Canoas/TERGASUL e demais por­tos interiores.

A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obrigatória.

EMPRESAS

LAGOA PILOTS SERVIÇOS DE PRATICAGEM

contato@lagoapilots.com.br 

PRATICAGEM DA LAGOA DOS PATOS, RIOS, PORTOS E TERMINAIS INTERIORES S/C LTDA www.lagoadospatos.com.br

praticagemrg@lagoadospatos.com.br

A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obri­ga­tó­ria do pon­to de espe­ra de Prático, deman­dan­do os por­tos de Itajaí, Navegantes, Terminais da Shell, Dow Química, Liquigás, BRASKARNE, e demais ter­mi­nais no inte­ri­or do Rio Itajaí-Açu (SC) até o local de atracação.

A Praticagem em Itajaí ini­ci­ou seus tra­ba­lhos na déca­da de 40, quan­do o prá­ti­co Manoel Ezidro “abriu” o Porto com o Navio Trópicos. Nessa épo­ca, a Praticagem se deno­mi­na­va ser­vi­ço de Praticagem da Barra e Porto de Itajaí Ltda., até 1985, quan­do foi cri­a­da a Associação de Práticos dos Portos de Itajaí. Em 1997 foi suce­di­da pela Itajaí Práticos Serviço de Praticagem S/C Ltda., que ini­ci­al­men­te con­ta­va com três Práticos e três Praticantes de Prático, que em 1998 tor­na­ram-se Práticos.

EMPRESA

ITAJAÍ E NAVEGANTES PRÁTICOS SERVIÇO DE PRATICAGEM S/S LTDA

www.itajaipraticos.com.br

danielmelo@itajaipraticos.com.br

A pra­ti­ca­gem nes­ta ZP é obri­ga­tó­ria do pon­to de espe­ra de prá­ti­co até o local de atracação.

EMPRESA

IMBITUBA PILOTS — SERVIÇOS DE PRATICAGEM S/C LTDA

imbitubapilots@gmail.com