Entrevista do diretor-presidente na Aleam

Entrevista do diretor-presidente do CONAPRA, prático Gustavo Martins, na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas, no dia 12 de julho, por ocasião da sessão especial “Praticagem do Brasil e sua atuação na Amazônia Legal”.

Atuação da Praticagem na Amazônia será tema de Sessão Especial na Aleam

A importância do setor, as características da profissão e o trabalho desenvolvido pelos práticos na Amazônia será tema de palestra a ser feita pelo presidente do Conselho Nacional de Praticagem, Gustavo Martins.

Responsável por garantir a segurança da navegação no acesso aos portos em todo o mundo, a Praticagem, atividade essencial e privada, será tema de sessão especial na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), na próxima terça, 12 de julho, às 12h, no Plenário Ruy Araújo. A sessão foi marcada a partir da aprovação do Requerimento nº 1281/16, de autoria do deputado Sabá Reis (PR). O tema do evento será “Praticagem do Brasil e sua atuação na Amazônia Legal”.

 

O diretor-presidente do Conselho Nacional da Praticagem (Conapra), Gustavo Martins, e representantes da praticagem da região amazônica farão palestras durante a sessão, abordando as atividades desempenhadas pelos práticos, profissionais que contribuem para a movimentação do comércio exterior, importação e exportação, de todo o país.

De acordo com Martins, a presença do prático dentro dos navios de grande porte é substancial para garantir maior eficiência e segurança à navegação. Com formação náutica de excelência, o profissional tem como principal característica o conhecimento técnico da navegação em águas restritas, tais como: variações das correntes, ventos, marés e profundidades.

“Os práticos são profissionais habilitados pela Marinha que assessoram os comandantes na entrada e saída dos portos. Eles compõem a lista de profissionais que garantem o cumprimento da Lei 9.537/1997, que dispõe sobre a segurança do tráfego aquaviário em águas sob jurisdição nacional e dá outras providências”, afirmou.

O Brasil conta com 22 Zonas de Praticagem (ZP) e a região amazônica responde por três delas. Em Manaus, as empresas PROA e Manaus Pilots atuam no limite da ZP 02 – que compõe a rota de Itacoatiara (AM) a Tabatinga (AM) –, contando com toda a infraestrutura necessária de apoio aos serviços de Praticagem, como serviços de comunicação e coordenação de tráfego marítimo. A terceira ZP da região amazônica fica em Belém.

O diretor-presidente do Conapra comenta que a atividade é essencial à segurança, porque reduz muito a possibilidade de acidentes, que podem custar a vida de pessoas, provocar danos ao meio ambiente, aos próprios navios e instalações portuárias e, ainda, prejuízos de milhões de dólares em cargas.

Martins exemplifica que, no início de julho, a atuação de um prático foi fundamental para evitar um desastre ambiental marítimo na Baía de Guanabara, já que um navio carregado de gás apresentou uma falha técnica que fez com que o leme da embarcação travasse, impedindo qualquer manobra. O prático havia embarcado com a tarefa de conduzi-lo para as proximidades do terminal de Gás Natural da Petrobras (GNL). Se não fosse sua habilidade técnica, a colisão com o forte de Santa Cruz seria iminente e causaria grande explosão.

Segundo a Associação Internacional de Clubes de Proteção Mútua dos Armadores (International Group of P&I Clubs, em inglês) o índice de acidentes com práticos a bordo no Brasil é de apenas 0,002% (dois milésimos por cento), similar ao dos Estados Unidos, mesmo com as gritantes diferenças de recursos e de infraestrutura.

“A Praticagem brasileira é parte da solução do Brasil. É parte daquilo que faz os portos brasileiros funcionarem além de suas capacidades”, pontuou Gustavo Martins.

 

gust amazon banner

Conapra presente na Expolog: a mais importante feira de logística do país

A Praticagem do Brasil foi um dos temas debatidos durante o X Seminário Internacional de Logística que aconteceu simultâneo a uma das mais importantes feiras de logística do país, a Expolog, realizada em Fortaleza (CE) entre os dias 11 e 13 deste mês de novembro. O presidente do Conselho Nacional de Praticagem, Gustavo Martins, discorreu sobre os desafios a serem enfrentados diante dos gargalos da logística portuária, confrontados com o aumento exponencial do calado dos navios que aportam nos portos brasileiros.

Neste sentido, o presidente fez questão de frisar que muitos dos problemas de infraestrutura dos portos são contornados graças à expertise dos práticos que, segundo ele, são exímios conhecedores da costa brasileira, e aos vultuosos investimentos do setor de Praticagem na aquisição de lanchas modernas, no mapeamento náutico e em outras áreas.

A eficiência dos profissionais, disse, faz com que hoje o índice de acidentes com grandes embarcações assessoradas por práticos, seja de apenas 0,002%, igual ou inferior aos dos países mais desenvolvidos do mundo.

Justificativa dos organizadores para realização do evento

Diante dos constantes desafios de crescimento, num mundo cada vez mais competitivo e globalizado em todas as áreas do conhecimento e do empreendedorismo, a atividade logística, com todos os seus níveis de especialidade e de serviços torna-se o grande diferencial de embasamento estratégico para a ação de pessoas, instituições e empresas na conquista da excelência.
O Brasil, porta de entrada para grande parte dos países da América Latina, conforme relatório publicado pelo Banco Mundial que mede a eficiência dos sistemas de transporte em 160 países posiciona o país no 65º lugar no que se refere à infraestrutura de transporte.

Avaliando vários fatores – qualidade da infraestrutura de transporte, de serviços e a eficiência do processo de liberação nas alfândegas, rastreamento de cargas, cumprimento dos prazos das entregas e facilidade de encontrar fretes com preços competitivos, a instituição ouviu cerca de mil profissionais de logística pelo mundo, levando em conta a percepção dos empresários em relação à eficiência da infraestrutura de transporte.

Com a realização da EXPOLOG – Feira Nacional de Logística e do X Seminário Internacional de Logística se efetiva a oportunidade para a aproximação entre as empresas e o mercado, quando e onde serão discutidos temas que virão a contribuir para troca de conhecimentos e experiências e dos avanços no setor e no posicionamento do País como player internacional.

IMG_0673

IMG_0675

Regulação, cabotagem e normas da ABNT e a navegação marítima

A atualização do arcabouço regulatório da atividade marítima, os aspectos técnicos dos planejamentos portuários e análises técnicas em busca de adequação às novas demandas da navegação marítima foram os principais assuntos abordados e debatidos durante o 39º Encontro Nacional de Praticagem, realizado nos dias 15 e 16 de setembro, em Brasília. Leia mais

USUPORT-RJ participa do 39° Encontro Nacional de Praticagem

 

A Associação dos Usuários dos Portos do Rio de Janeiro (USUPORT-RJ) teve a honra de participar do 39° Encontro Nacional de Praticagem, realizado em Brasília nos dias 15 e 16 de setembro. Através das suas entidades de classe, os usuários dos portos, embarcadores exportadores e importadores, deveriam participar desses encontros da praticagem, mas não apenas para marcar presença. A participação é importante como uma enorme oportunidade de aprendizado sobre um tema importantíssimo para o Brasil que são os acessos portos, por exemplo, e as enormes complexidades e dificuldades impostas aos práticos para que navios de grandes dimensões atraquem e desatraquem nos nossos portos, com acessos precários por conta da falta de investimentos governamentais, permitindo a fluência no nosso comércio exterior. Se o Brasil, consegue receber embarcações de 8,9 ou 10 mil TEUS, isso se deve a praticagem e não ao governo. Leia mais

Praticagem do Brasil durante 22º Congresso IMPA

impa-panama-2014

Praticagem do Brasil durante o 22º Congresso da International Maritime Pilots’ Association – IMPA, realizado de 7 a 11 de abril, na Cidade do Panamá. — em Cidade do Panamá.

Leia mais

IMPA Panama 2014

Panama Canal Pilots’ Association invites delegates and guests to the 22nd International Maritime Pilots’ Association Congress, to be held in Panama City, Republic of Panama, between the 7th and the 11th of April, 2014.

The Congress will be hosted at the Hard Rock Hotel Panama Megapolis. With over 1500 rooms and suites, this centrally located 66 story hotel has the best meeting facilities in Panama City.

http://impa2014.com

congresso-impa-panama-slide

VII Fórum Latino-Americano de Práticos

VII Fórum Latino-Americano de Práticos

VII Fórum Latino-Americano de Práticos

Com início em 30 de setembro, em Búzios, Rio de Janeiro, o VII Fórum Latino-Americano de Práticos permitiu que se consolidasse ainda mais a
unidade da categoria no continente. Sempre em consonância com as diretrizes da IMPA, ratificou-se a importância dos profissionais de praticagem permanecerem unidos para enfrentar os desafios da profissão. Temas como aumento do tamanho dos navios, concorrência, novas tecnologias e etc, estiveram na pauta dos debates. A diversidade de nacionalidades trouxe diferentes perspectivas às discussões, o que enriqueceu o já tradicional evento.

Congresso da IMPA em Londres 2012

O UKMPA convida para o 21° Congresso da International Maritime Pilots Association – IMPA, a se realizar em Londres, entre os dias 24e 28 de setembro de 2012, no Hotel Grange, situado no centro de Londres com vista para a Catedral St Pauls.

A agenda do congresso incluirá uma recepção de boas vindas, apresentações de especialistas, palestras específicas de interesse dos Práticos, exposições sobre recentes inovações e um jantar de gala sedo uma grande oportunidade para os Práticos interagirem com os colegas profissionais de todo o mundo e apreciarem os mais belos lugares que a cidade anfitriã de Londres tem para oferecer.

Leia mais em http://www.impa2012.com/